fabriciomarques-inf.gif (10683 bytes)

fabrício marques

TAMBOR

NOTURNO

O TEXTO QUE VAI

REVERBERAÇÃO # 1

POSSO ESTAR ERRADO

poesia

Nasceu em 22 de novembro de 1965 em Manhuaçu, Minas Gerais . Já publicou samplers (Relume-dumará, 2000) e o ensaio
Aço em flor: a poesia de Paulo Leminski

( Autêntica, 2001). Como jornalista, trabalhou nos jornais "Diário da Tarde, "O Tempo" e na revista "Palavra". Tem textos publicados em diversos jornais e suplementos. Participa da antologia "Na virada do século: Poesia de invenção no Brasil" ( Ed. Landy, 2002, orgs. Cláudio Daniel e Frederico Barbosa)